Cólica Menstrual

O que é Cólica Menstrual

Cólica menstrual é uma dor latejante que pode ser sentida no abdome inferior.  Algumas mulheres têm cólicas menstruais imediatamente antes e durante os períodos menstruais.

 

Para algumas mulheres, o desconforto é muito grande. Para outras, as cólicas menstruais podem ser fortes o suficiente para interferir nas atividades diárias todos os meses.

 

Condições como endometriose ou miomas uterinos podem causar cólicas menstruais. Tratar a causa é fundamental para reduzir a dor. Cólicas menstruais que não são causadas por outra condição diminuem com a idade e melhoram após o parto.

Sintomas da Cólica Menstrual

Dentre os principais sintomas de cólicas menstruais, podemos citar:Cólica Menstrual

 

  • Dor latejante no abdome inferior;
  • Dor que começa de 1 a 3 dias antes do período menstrual, fica mais forte 24 horas após o período menstrual e depois desaparece dentro de 1 a 3 dias;
  • Dor incômoda e contínua;
  • Dor que irradia para a parte inferior das costas e coxas

 

Algumas mulheres também têm:

 

  • Náusea;
  • Dor de cabeça;
  • Tontura.

Fatores de Risco para Cólica Menstrual

Dentre os principais fatores de risco para cólica menstrual, podemos incluir:

 

  • Ter menos de 30 anos;
  • Começou a puberdade cedo, aos 11 anos ou mais;
  • Você sangra muito durante os períodos (menorragia);
  • Você tem sangramento menstrual irregular (metrorragia);
  • Você tem histórico familiar de cólicas menstruais (dismenorréia);
  • Você fuma.
Precisando de um Ginecologista? Entre em contato conosco.

Causas da Cólica Menstrual

Durante o período menstrual, o útero se contrai para ajudar a expulsar seu revestimento. Substâncias semelhantes a hormônios (prostaglandinas) envolvidas na dor e inflamação desencadeiam as contrações do músculo uterino. Níveis mais altos de prostaglandinas causam cólicas menstruais mais severas.

 

As cólicas menstruais podem ser causadas por:

 

  • Endometriose. O tecido que reveste seu útero fica implantado fora do seu útero, mais comumente nas trompas de falópio, nos ovários ou no tecido que reveste a pélvis.
  • Miomas uterinos. Esses tumores não cancerígenos na parede do útero podem causar dor.
  • Adenomiose. O tecido que reveste o útero começa a crescer nas paredes musculares.
  • Doença inflamatória pélvica. Esta infecção dos órgãos reprodutivos femininos é geralmente causada por bactérias sexualmente transmissíveis.
  • Estenose cervical. Em algumas mulheres, a abertura do colo do útero é pequena o suficiente para impedir o fluxo menstrual, causando um aumento doloroso da pressão dentro do útero.

Tratamento para Cólica Menstrual

Para aliviar suas cólicas menstruais, o médico pode recomendar:Cólica Menstrual

 

  • Analgésicos vendidos sem receita médica, como o ibuprofeno, em doses regulares, começando no dia anterior ao início do período, podem ajudar a aliviar a dor. Lembrando que você só deve ingerir medicamentos com prescrição médica.
  • Pílulas anticoncepcionais contêm hormônios que impedem a ovulação e reduzem a gravidade das cólicas menstruais. Esses hormônios também podem ser utilizados de várias outras formas: injeção, um adesivo para a pele, um implante colocado sob a pele do braço, um anel flexível que você insere na vagina ou um dispositivo intra-uterino (DIU).

 

Cirurgia. Se suas cólicas menstruais são causadas por um distúrbio, como endometriose ou miomas, a cirurgia pode ajudar a aliviar seus sintomas. A remoção cirúrgica do útero também pode ser uma opção se outras abordagens falharem em aliviar seus sintomas e se você não estiver planejando ter filhos.

Agende já sua consulta: (11) 3171-1408 ou 3171-2639

Ligue para nós, agende via Whats App ou clicando no botão.

Fale via Whatsapp